segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

Autobiografia na Música / Atualizações - Kim Kehl & Os Kurandeiros / Atualizações - Capítulo 76 - Por Luiz Domingues

Novembro iniciou-se com boas perspectivas para Os Kurandeiros. Num convite da parte de Cleber Lessa, coproprietário do Santa Sede Rock Bar, uma mini temporada foi marcada, com a nossa banda a fazer cinco apresentações, ocupando todas as cinco quintas desse mês. Temporada é sempre uma oportunidade boa para arregimentar um público crescente, mesmo em se tratando de datas não consecutivas, mas semanais. Dessa forma, fomos animados para a primeira edição, no feriado de finados, 2 de novembro de 2017.
A banda em ação no Santa Sede Rock Bar de São Paulo, em 2 de novembro de 2017. Clicks, acervo e cortesia de Cleber Lessa

E houve também uma novidade estrutural dentro da casa, quando foi sugerido-nos adotar um novo posicionamento, tocando num outro canto da casa, perdendo um pouco de espaço lateral no sentido da largura, mas ganhando em outros aspectos, como por exemplo, na maior amplitude para o público desde o portão de entrada da casa. 

Mais momentos dos Kurandeiros ao vivo na estreia da mini temporada no Santa Sede Rock Bar. 2 de novembro de 2017. Clicks, acervo e cortesia de Regina de Fátima Galassi


"A Noite Inteira", no Santa Sede Rock Bar de São Paulo, em 2 de novembro de 2017


Eis o Link para assistir no You Tube :
https://www.youtube.com/watch?v=EIUQiomUG8c 
 

"Gimme Shelter" (The Rolling Stones), no Santa Sede Rock Bar de São Paulo, em 2 de novembro de 2017

Eis o Link para assistir no You Tube :
https://www.youtube.com/watch?v=HJ5CEbkIhxM


"O Filho do Vodu" (trecho) (Kim Kehl), no Santa Sede Rock Bar de São Paulo, em 2 de novembro de 2017

Eis o Link para assistir no You Tube :
https://www.youtube.com/watch?v=ElHcXySJlWQ&t=82s


"I'm Going Down" (Leon Russell), no Santa Sede Rock Bar de São Paulo, em 2 de novembro de 2017

Eis o Link para assistir no You Tube :
https://www.youtube.com/watch?v=3AhYi4fGLrU

Uma semana depois, voltamos à mesma casa, dando prosseguimento ao projeto da mini temporada da quinta-feira. Renovando o repertório, com exceção de algumas canções oriundas dos dois CD's recentemente lançados, o EP "Seja Feliz" e o CD "O Baú dos Kurandeiros". Desta feita, portanto, tocamos muitos blues e temas instrumentais que não tocávamos há bastante tempo, revitalizando nossa memória e diversificando, para que o público presente ouvisse novidades e não o mesmo show da semana anterior. Fazia-se mister tal dinâmica e por trunfo próprio, a banda tinha essa facilidade em ter um repertório gigantesco em mãos, mesmo que algumas dessas canções acabassem ficando um tanto quanto obscurecidas e fatalmente sujeitas a adquirir uma certa ferrugem...
Os Kurandeiros em ação no Santa Sede Rock Bar de São Paulo, em 9 de novembro de 2017. Clicks : Lara Pap (foto 1); Cesar Gavin (foto 2); Regina de Fátima Galassi (fotos 3 e 4)

Cesar Gavin, nosso amigo e grande agitador cultural, esteve presente e sempre era um prazer desfrutar de sua companhia e conversa super estimulante sobre o Rock brasileiro, cujo tema ele conhece como poucos. Foi assim, então na noite de 9 de novembro de 2017. 


Dois dias depois e voltaríamos para um espaço simpático, que havíamos visitado pela primeira vez no mês de setembro. Um retorno, portanto ao democrático e acolhedor palco do "Espaço Cultural Rock na Padoka", na zona leste de São Paulo, fora marcado para o dia 11 de novembro de 2017.
O palco montado para o show dos Kurandeiros no Espaço Cultural Rock na Padoka, em 11 de novembro de 2017. Clicks de Lara Pap
 
E assim, num dia atípico para novembro, pois fez um frio de outono em plena primavera tropical, chegamos ao acolhedor Espaço Cultural Rock na Padoka, localizado no Jardim Brasília, bairro da gigantesca zona leste da capital paulista. Sob clima hospitaleiro e ainda mais estreitado pois era a segunda passagem nossa por tal estabelecimento, assim fomos muito bem recebidos pelo seu mandatário e equipe
Flagrantes do Show dos Kurandeiros no Espaço Cultural Rock na Padoka, de São Paulo, em 11 de novembro de 2017. Clicks de Lara Pap
 
O show foi excelente, com uma resposta quente por parte do público presente, em contraste com o vento frio que fez naquela noite. Tocamos alguns clássicos internacionais do Rock e do Blues, mas predominou o repertório autoral, com uma até surpreendente reação calorosa ao extremo quando executamos a música, "Oh Rita", que transformou a casa numa pista de dança, praticamente.

O "strap lock" da correia falhou e criou um problema para o Kim e consequentemente para a banda. Os Kurandeiros no Espaço Cultural Rock na Padoka, de São Paulo, em 11 de novembro de 2017. Click de Marinho MTB
 
O único senão deu-se com um pequeno acidente gerado pela falha do "strap lock" da correia do Kim, ao fazer com que sua Gibson Les Paul tocasse o solo. Entretanto, por uma intercessão dos Deuses do Rock, não gerou um grande estrago, com avarias moderadas, que em se tratando desse modelo de guitarra, é quase um milagre, pela sua característica em ser delicada, mesmo que no contraponto, seja considerada uma guitarra maciça e bem pesada sob linhas gerais. Fora disso, que é coisa que acontece, mas chateia não só o músico que sofre o acidente, mas a banda toda, houve pedido de bis ao final, com bastante animação e saímos dali com a sensação do dever mais do que cumprido, porém com dividendos artísticos sob nossa posse.
Kim Kehl posando com um "Cadillac" 1954, de muito respeito, estacionado na porta do estabelecimento e abaixo, a banda no pós show posando para registrar a noitada excelente que fizemos num surpreendente frio em plena primavera, na zona leste de São Paulo. 11 de novembro de 2017, no Espaço Cultural Rock na Padoka, show dos Kurandeiros. Clicks de Lara Pap
 
Ao final do espetáculo, já confraternizando-nos com fãs e amigos da banda, eis que surge um rapaz dirigindo um portentoso "Cadillac", do ano de 1954, absolutamente impecável. Entusiasmado com a situação, o próprio dono dessa barca maravilhosa sugeriu e o Kim não resistiu a um "click" ao lado de tal bólido vindo direto dos anos dourados e tinindo... mais Rock'n Roll cinquentista dos primórdios do que isso, impossível...

Missão cumprida na Zona Leste de São Paulo, nosso próximo compromisso seria também num extremo da cidade, mas desta feita na zona sul, no sentido do autódromo de Interlagos...
Continua...

Nenhum comentário:

Postar um comentário