quinta-feira, 3 de outubro de 2013

Autobiografia na Música - Língua de Trapo - Capítulo 63 - Por Luiz Domingues




Na terça-feira posterior, o Língua de Trapo estava escalado mais uma vez para participar do programa "A Fábrica do Som", da TV Cultura de São Paulo. 

Era uma dinâmica diferente para mim, pois nesse programa eu já havia participado três vezes com A Chave do Sol, e sem dúvida, foi fator preponderante para alavancar a minha outra banda, e consequentemente, a minha imagem pessoal. 

Eu já conhecia a estrutura toda, estava acostumado a atuar no palco do Sesc Pompeia, e conhecia bem o pessoal da TV e seu esquema de trabalho.

Mas o Língua de Trapo também conhecia, pois já havia apresentado-se outras vezes anteriormente, também, e estava  acostumadíssimo a atuar em teatros lotados. 

O inevitável aconteceu quando subimos ao palco, com gritinhos de : "A Chave do Sol " espoucando pelos dois lados da plateia. 

Era uma situação que incomodava os Línguas, causando-me um certo constrangimento, mas o que eu poderia fazer para coibir tal manifestação ?

Claro que também ficava constrangido em respeito ao Língua, mas por outro lado, também achava muito estimulante ver que A Chave do Sol crescia em popularidade. 

A apresentação foi tranquila. Lembro-me de termos executado "Concheta"; "Deve Ser Bom";"Regui Spiritual", e "Xingu Disco", músicas do primeiro LP.

"Régui Spiritual" era uma música que não estava no show que estávamos realizando em tour, mas eu gostava muito.

Uma tremenda gozação com os falsos gurus que exploram a boa fé das pessoas humildes etc etc. Uma pena, mas não me lembro de tê-la executado mais vezes, seja em shows ou apresentações de TV. 

O Pituco vestiu-se de terno branco, e usando o fato do teatro ter uma parte superior, onde ficavam dois camarotes, apareceu inicialmente nesse lugar, como se estivesse num púlpito, sendo idolatrado por seus discípulos. 

Foi muito legal, mas infelizmente, nunca havia assistido essa exibição na TV, até julho de 2015, quando um amigo chamado Flavio Tsunami abordou-me na Rede Social Facebook e disse ter resgato vídeos do Língua de Trapo com minha participação na banda !!

Eis então as duas músicas que foram ao ar, decorrentes dessa aparição na "Fábrica do Som", descrita neste capítulo : "Régui Spiritual" e "Deve Ser Bom"

O link para assistir no You Tube :
https://www.youtube.com/watch?v=tPVAZz0aPww

O link para assistir no You Tube :
https://www.youtube.com/watch?v=mKsh_1d83TY&feature=youtu.be

Sobre "Deve ser Bom", é impressionante como uma sátira sobre a sanha dos políticos pelo poder continua muito atual...

Essa minha primeira apresentação nesse programa, com o Língua de Trapo, ocorreu no dia 17 de janeiro de 1984 (mas foi ao ar em 21 de janeiro), com um público de 1500 pessoas, aproximadamente.

Continua...

Nenhum comentário:

Postar um comentário