sábado, 3 de outubro de 2015

Autobiografia na Música - Pedra - Capítulo 41 - Por Luiz Domingues


Então, no dia do ensaio da banda cover de Bento Araújo, estávamos em peso no Overdrive estúdio, e fizemos a abordagem ao Ivan Scartezini. 

Ele em princípio, mostrou-se muito receptivo, e só nos alertou que tinha além do trabalho cover com Bento Araújo, outra banda, onde era side man.
 

Tratava-se da banda de apoio do compositor, cantor e vocalista, Denny Caldeira, que levava com labuta e dificuldades a sua carreira solo. 


Não me recordo ao certo, mas acredito que já no dia seguinte ele deu sinal afirmativo e daí, já estava 100 % imbuído no trabalho de tirar as 11 músicas do nosso primeiro CD que estavam prontas. 

Um primeiro ensaio foi marcado ainda em março de 2006, e foi espetacular o desempenho dele. 

Não só havia decorado todas as músicas, como trouxe enriquecimentos incríveis. 

Ou seja, coisas que gostaríamos que o Alex Soares tivesse feito, e ele não fez na gravação do CD, por pisar no freio, propositalmente. 

Sendo assim, as músicas cresceram demais e nós lamentamos que ele, Ivan, não estivesse conosco desde o início. 

Isso fora o fato concreto dele ter um astral ótimo e estar sintonizado na nossa vibração, como o Alex infelizmente nunca esteve. 

Em dois ensaios, ele estava pronto para tocar ao vivo, e parecia estar conosco realmente desde o começo.
Primeira foto promocional com Ivan Scartezini efetivado na banda, em 2006. Foto de Grace Lagôa

Dessa forma, em breve estaríamos imbuídos da determinação de finalmente começar a tocar ao vivo. 

Antes porém, preciso fazer um pequeno regresso à outubro de 2005. Pretendia contar isso no capítulo do Língua de Trapo, porque foi num show do Língua que essa conversa iniciou-se em 2005, mas acredito que faz muito mais sentido detalhar aqui, pois diz respeito ao Pedra, efetivamente. 

Fotos 5 e 6 são de Grace Lagôa

Continua...

Nenhum comentário:

Postar um comentário