sexta-feira, 2 de outubro de 2015

Autobiografia na Música - Patrulha do Espaço - Capítulo 178 - Por Luiz Domingues


Nossos problemas em nos tornar-nos donos de um ônibus, estavam apenas começando, pois os donos do estacionamento que arrumáramos para guardar o carro, haviam nos avisado previamente que não poderiam nos aceitar como mensalistas doravante, pois o terreno já estava comprometido com a sua venda para uma incorporadora, e em breve, teriam que fechar as portas para os tratores começarem a demolir os muros e assim, novas torres residenciais serem construídas, dentro daquele espírito avassalador das especulação imobiliária.

Já tendo que enfrentar um novo problema logo de cara, arrumamos um outro estacionamento, um pouco mais longe de casa, mas ainda no bairro, mas azar máximo, tal estacionamento também já estava vendido para uma incorporadora, e foi quando nos demos conta que não tinha sido um mero golpe de azar em relação ao primeiro estacionamento que arrumáramos, mas era uma tendência cruel que estava minando os grandes espaços no bairro e nessas circunstâncias, começamos a nos preocupar com a questão de um estacionamento seguro e que ficasse no bairro, perto de nós.

Do primeiro para o segundo estacionamento, quem dirigiu o carro foi o próprio pai do Marcello que tinha habilitação para tal e um pouco de experiência. Contudo, sofreu um pouco, pois o segundo estacionamento que arrumamos, ficava no alto da ladeira da Rua do Paraíso, e para quem conhece tal localidade, sabe bem que é uma ladeira muito íngreme...

E o drama prosseguia, pois no segundo estacionamento já haviam nos avisado que fechariam as portas em breve para outra incorporadora começar as obras do complexo de torres comerciais que construiriam.

Para quem conhece o local, hoje em dia, são aqueles prédios cuja aparência arquitetônica se parecem como "Legos", ao lado da saída da Catedral Ortodoxa, na estação Paraíso do Metrô.

E num curto espaço de tempo, precisávamos encontrar outro estacionamento, mas mais urgente ainda, contratar um motorista e dar uma revisão no carro, pois tínhamos viagem para três cidades no interior de São Paulo, em muito breve !!

Continua...

Nenhum comentário:

Postar um comentário