quarta-feira, 27 de maio de 2015

Autobiografia na Música - A Chave do Sol - Capítulo 269 - Por Luiz Domingues


Quando percebemos que a conversa sobre o vídeo-clip realmente esquentara, e parecia que essa produção seria mesmo concretizada, tratamos de escolher uma música nova para alavancar o rumo de nossas mudanças estruturais. Enquanto as outras bandas não tinham esse tipo de preocupação, porque não pensavam em mudar sua estrutura estética, nós precisávamos usar essa oportunidade de obter um vídeo-clip com tal perspectiva.

Por isso, vivíamos um impasse, pois não poderíamos mergulhar de cabeça em tal produção, antes de ter o áudio da demo-tape, e isso só foi possível no fim de abril.

Outra desvantagem era técnica. Com um áudio inferior, obtido de uma gravação de demo, portanto gravado às pressas e num estúdio de segunda (ou quiçá, terceira...), linha, é claro que não seria o ideal. 


Mas estávamos novamente numa situação embaraçosa, pois mesmo que decidíssemos usar uma faixa do disco oficial em voga, o EP de 1985, a voz era de outro vocalista. 

"Um Minuto Além " era uma canção com potencial comercial para um clip, mas estava inutilizada doravante para tal propósito, justamente por ter outra voz na linha de frente. E mesmo que não fosse só por isso, o fato é que a música tinha um tamanho inadequado para o veículo, outra falha estrutural não pensada por nós quando de sua composição e arranjo final. 

Enfim, era o "viver e aprender" que exercíamos na raça, infelizmente sem um produtor de visão calculista a nos orientar e dessa forma, a nossa carreira seguia numa trilha de percalços, e muitos deles, autogerados...

Voltando ao clip propriamente dito, nossa dificuldade em ter o áudio ideal foi entendida pelos produtores, mesmo porque eles estavam se propondo a fazer quatro clips simultaneamente, portanto, a solução da parte deles era até óbvia em nos deixar por último na fila de produção, pois não tinham estrutura para realizar quatro clips ao mesmo tempo, e dessa forma, poderiam tranquilamente esperar-nos.

No "brainstorm", fechamos com a ideia de filmar o clip usando a música "Saudade". Era de longe a aposta mais pop da nova demo e mostraria à um público televisivo e inteiramente novo, um som simples e direto, em que nada lembrava  a "velha" Chave do Sol, e suas firulas setentistas de Jazz-Rock.

Daí em diante, tenho histórias engraçadas a relatar sobre os bastidores dessas filmagens...

Continua...

Nenhum comentário:

Postar um comentário