quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Autobiografia na Música - Pedra - Capítulo 128 - Por Luiz Domingues




Era chegada a hora do grande lançamento em São Paulo, do nosso novo álbum, Pedra II. Com uma capa espetacular; um nome pomposo; e um conjunto de ótimas canções, tínhamos em mãos uma grande obra, que talvez tenha superado o primeiro disco, sem nenhum demérito ao anterior que também acho ótimo.


Contudo, era claro o nosso amadurecimento como banda, fazendo um disco cheio de coloridos memoráveis, tanto na qualidade das composições, quanto na excelência dos arranjos. Tinha a questão do apuro nas letras um ponto de honra para a banda e com a mão de ferro do Xando nesse quesito, que chegava a exagerar em sua exigência nesse aspecto.

Bem ensaiados e com surpreendente sequência de shows, atípico para a história da banda, lamentavelmente, chegamos ao Centro Cultural São Paulo para preparar o nosso palco bem cedo, logo no início da tarde.




 
Montamos tudo com rapidez e tivemos o apoio sempre bem vindo do iluminador Wagner Molina, que era garantia de tornar nosso espetáculo algo muito mais valorizado, graças à sua capacidade e criatividade para conceber um mapa de iluminação espetacular.






Sem banda de abertura, tampouco outras intervenções como havíamos feito com uma trupe de teatro e a performance ao vivo do artista plástico, Diogo Oliveira, em duas ocasiões anteriores, a ideia ali era fazer um show de Rock tradicional e mais longo, tocando o máximo de músicas do novo álbum, mescladas com algumas do primeiro disco, logicamente.




Estávamos num momento muito bom, tecnicamente falando, e apesar de alguns revés ocorridos recentemente, nosso astral estava bom, animados pela sequência de shows e lançamento do disco, refletindo-se no palco, com uma energia boa que transpassava ao público.




Portanto, a lembrança que eu tenho desse show no Centro Cultural São Paulo, em 2008, é da banda estar soando muito bem.


"Longe do Chão no CCSP - 18 de julho de 2008


Eis o Link para assistir no You Tube :
https://www.youtube.com/watch?v=_JhlxQOhQOY


De fato, foi um ótimo show e acredito que fizemos um belo espetáculo de lançamento, a altura do grande disco que estávamos apresentando aos fãs, críticos e sem soar piegas e presunçoso, mas sendo realista, para o mundo. 


"O Dito Popular", com direito à menção de "Papa Was A Rolling Stone" - Centro Cultural São Paulo - 18 de julho de 2008


Eis o Link para assistir no You Tube :
https://www.youtube.com/watch?v=I07o8Rxj0J8


O único ponto negativo nessa equação, foi o público tímido que compareceu ao Centro Cultural São Paulo, mas havia uma desculpa na ponta da língua : o fato de cair numa sexta-feira, e naquele horário padrão das 19 horas desse teatro, ou seja, uma hora de trânsito engarrafado em São Paulo, apesar de julho ser mais ameno por conta das férias escolares.

Então, talvez isso fosse um consolo, mas claro que apesar disso, nossa banda lançando um disco dessa qualidade merecia a casa lotada, e quiçá, numa temporada de cinco dias seguidos com casa cheia todas as noites. 


"Projeções" no Centro Cultural São Paulo - 18 de julho de 2008


Eis o Link para assistir no You Tube :
https://www.youtube.com/watch?v=U6Z-o3IOL-Y

Então, foi assim, um show ótimo, de uma banda afiada e motivada, lançando um disco excelente, mas só com 80 pessoas na plateia...
Dia 18 de julho de 2008, no Centro Cultural São Paulo.



Continua...

Nenhum comentário:

Postar um comentário